Pilates e Treinamento Funcional

Visitas

sábado, 26 de março de 2016

Jardim suspenso de cabeça para baixo

Tomate, pepino e hortelã são os experimentos

Esse modo de jardim depende da espécie plantada, pois vai depender do espaço ocupado pela raiz. A forma desse jardim impressiona, uma vez que a planta terá de vencer a gravidade e ficar em pé novamente.
Foi usado nessa experiência o tomate, já que os frutos ficam pendurados e geralmente pesam a planta e ficam no chão, também foi usado o pepino e o hortelã.

O material usado neste trabalho foi a garrafa pet, arame, esfagno (também pode usar fibra de coco), terra preparada (veja aqui como preparar), alicate, tesoura e uma mudinha.

Trabalho:
Faça uma abertura na parte de baixo da garrafa, preservando o fundo, coloque o arame para poder pendurar.
Coloque o esfagno, envolvendo a muda, retire do vaso, coloque-a dentro da garrafa com o torrão de terra. Passe as folhas e o caule com cuidado pela boca da garrafa. Complete com terra até metade da garrafa, conforme a raiz for tomando conta vá acrescentando terra.

Material Utilizado
Curiosidades:
Você poderá observar, além do desenvolvimento da planta, o desenvolvimento da raiz, no caso do Hortelã, a raiz atravessou a camada de terra e desenvolveu uma nova planta na parte de cima.
As fotos tiradas para o trabalho vão até um mês após o plantio, vou colocando as etapas conforme o desenvolvimento delas.

Leia também:
Por que as plantas de Supermercado morrem?


Abertura e alça de arame
Esfagno, envolvendo a muda


Passe as folhas e o caule com cuidado

Complete com terra até metade


Muda com uma semana

Muda com um mês

Pepino - Tomate - Hortelã

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Saiba Mais